ícone calendário

Noticias

IOA lança ‘Manual de Prevenção ao Assédio’ com palestra para servidores


A Ouvidoria da Imprensa Oficial do Estado do Amazonas (IOA) lançou nesta segunda-feira (06/12) o “Manual de Prevenção ao Assédio Moral e Sexual” para servidores da autarquia. A obra, desenvolvida pela própria Ouvidoria, em conjunto com a Editora da IOA, reúne informações e esclarece dúvidas sobre os dois tipos de assédio no ambiente de trabalho, as consequências e como se prevenir.

O lançamento aconteceu no auditório da instituição, seguido de uma palestra ministrada pela advogada trabalhista Tais Naiara Souza Bezerra, e pelo psicólogo clínico Kennedy Ferreira da Silva. Os dois falaram sobre o que é assédio moral e sexual, as consequências físicas e psicológicas para quem sofre, bem como a proteção garantida pela legislação brasileira às vítimas.


“É muito importante esclarecer o que de fato é o assédio. As pessoas ainda confundem um pouco, não se sentem bem em procurar ajuda pelo fato de não terem o conhecimento. Que esse manual e a palestra sirvam de ajuda e apoio para as pessoas se respeitarem, sabendo que tem hora para tudo”, reforçou a ouvidora da IOA, Patrícia Câmara.

A advogada Tais Naiara Bezerra reforçou a contribuição da palestra e do manual para tornar o ambiente de trabalho mais saudável. “Não é muito da nossa cultura trabalhar com a prevenção. Atitudes como essa da Imprensa Oficial são muito bem-vindas”, disse. “O assédio traz consequências psicológicas não só no local de trabalho, mas a vítima leva isso para casa, para os amigos, por isso trabalhar a prevenção é de suma importância”, afirmou.

De acordo com o psicólogo Kennedy Ferreira, as atividades laborais mudaram muito no mercado de trabalho, e as pessoas estão mais atentas à ética e ao respeito profissional. “Antes o assédio não era comentado, era naturalizado. As cobranças feitas de forma ríspida e com jargões ofensivos eram comuns”, disse.

Dentre as principais consequências do assédio moral e sexual para trabalhadores estão a ansiedade, a depressão e Síndrome de Burnout. “O assédio as vezes acontece de uma forma muito velada. Isso que o colaborador está sofrendo, quem está em volta não consegue compreender a dimensão, por isso existe muito sofrimento psicológico, podendo gerar ansiedade, depressão e Síndrome de Burnout”.

- Ansiedade: sentimento ligado à preocupação, nervosismo e medo intenso. Apesar de ser uma reação natural do corpo, a ansiedade pode virar um distúrbio quando passa a atrapalhar o dia a dia;

- Depressão: distúrbio afetivo que, no sentido patológico, contém presença de tristeza, pessimismo, baixa autoestima, que aparecem com frequência e podem combinar-se entre si.

- Síndrome de Burnout: distúrbio emocional com sintomas de exaustão extrema, estresse e esgotamento físico resultante de situações de trabalho desgastantes, que demandam muita competitividade, e até assédio.

‘Manual de Prevenção’


O “Manual de Prevenção ao Assédio Moral e Sexual” reúne dados sobre situações de assédio no ambiente de trabalho, o que é assédio moral e o que é assédio sexual, como se prevenir e o que fazer para se defender. A obra é distribuída gratuitamente para os servidores da Imprensa Oficial.

“Nós procuramos fazer esse manual de uma forma bem clara para qualquer pessoa entender. As vezes tem pessoas que comentam com outros colegas sobre assédios sofridos, mas não procuram os meios para formalizar. É um tema que causa receio, mas nós da Ouvidoria estamos à disposição”, reforçou a ouvidora Patrícia Câmara.

Ouvidoria da IOA

A Ouvidoria da IOA dispõe de um serviço seguro e confiável para receber denúncias de assédio moral e sexual no ambiente de trabalho. Basta escolher um canal de atendimento.

- Atendimento presencial: segunda à sexta, das 8h às 14h, exceto feriados e pontos facultativos, na sede da IOA;

- Atendimento online: através do site imprensaoficial.am.gov.br, por e-mail ouvidoria@imprensaoficial.am.gov.br ou (92) 2101-7519.

FOTOS: Winnetou Almeida